Reportagem

Terminal de Cruzeiros de Lisboa é o melhor da Europa

O Terminal de Cruzeiros de Lisboa acaba de conquistar, pela primeira vez, o prémio de Melhor Terminal de Cruzeiros da Europa, atribuído pelos World Cruise Awards.

“Esta distinção vem destacar as excepcionais condições que Lisboa dispõe para acolher navios e passageiros de cruzeiro com exigências cada vez maiores, prestando, assim, um serviço de excelência a quem visita a capital portuguesa”, afirma António Caracol, administrador do Porto de Lisboa.

E destaca ainda: “É uma honra receber este prestigiado prémio, especialmente numa fase em que a APL está a desenvolver um conjunto de acções no âmbito da estratégia de valorização e qualificação da indústria de cruzeiros na cidade, nomeadamente ao nível da sustentabilidade, e, por isso, acreditamos fortemente que Lisboa – como porto e destino de cruzeiros – garante uma resposta sustentável aos desafios presentes e futuros.”

Na nomeação para Melhor Terminal de Cruzeiros da Europa, Lisboa ficou à frente dos terminais de Civitavecchia, Amesterdão, Limassol, Málaga, Barcelona, Kiel, Mónaco, Oslo, Rostock-Warnemunde, Portsmouth, Valletta e Zadar.

Os World Cruise Awards, lançados em 2021, visam reconhecer a excelência no sector global de cruzeiros, sendo um evento “irmão” dos World Travel Awards, que distinguem os melhores exemplos de boas práticas no sector do Turismo.

O Terminal de Cruzeiros de Lisboa é um projecto da autoria do arquitecto Carrilho da Graça, inaugurado no dia 10 de Novembro de 2017, e cujo custo global ascendeu a cerca de 28 milhões de euros.

A flexibilidade, a acessibilidade, a segurança, a qualidade ambiental e o conforto são os principais critérios do novo terminal, que tem uma área de 13.800 m2 e um cais com 1.490 metros de comprimento com capacidade para receber navios de vários tipos e dimensões com um calado até 12 metros.

“A atribuição deste prémio prova que o Terminal de Cruzeiros de Lisboa é cada vez mais uma obra que honra a arquitectura portuguesa, que estabelece a união entre a cidade e o rio de forma harmoniosa, importante para o turismo e para a cidade, e que posiciona Lisboa entre os portos mais bem servidos no que a actividade de cruzeiros diz respeito”, conclui.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close