DossierLocal

Estrelas Lisboa apoia vítimas dos incêndios

O FC Estrelas Lisboa, com sede nos Olivais, organizou uma campanha de solidariedade em favor das vítimas dos incêndios do concelho de Oliveira do Hospital.

A campanha consistiu na recolha de alimentos e outros produtos em cinco supermercados Pingo Doce nos Olivais e no Parque das Nações, que decorreu no fim-de-semana de 28 e 29 de Outubro. Ao todo, participaram na iniciativa 60 voluntários.

O produto desta campanha, que contou com o apoio logístico da Junta de Freguesia dos Olivais, foi de imediato entregue no concelho de destino, tendo os responsáveis sido recebidos pelo presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital e pelo comandante dos Bombeiros.

Ao Jornal EXPRESSO do Oriente, Joaquim Moura, presidente do Estrelas Lisboa, explica que a ideia original era organizar uma campanha que juntasse todos os clubes da freguesia dos Olivais: “Gostava que fosse possível os jogadores, treinadores, pais e funcionários de todos os clubes recolherem produtos durante a semana e depois no fim via-se quanto tínhamos conseguido. No entanto, tivemos algumas dificuldades que impediram este modelo de campanha”.

Mas como deixar morrer a ideia não era opção, a direcção do clube contactou a cadeia de supermercados Pingo Doce, pediu autorização para realizar a campanha e começou a mobilizar as pessoas. Além do apoio da Junta de Freguesia dos Olivais, a Plásticos Macar ofereceu 2500 sacos para a iniciativa.

“Sentimo-nos realizados pela solidariedade dos olivalenses, que nos deram muito mais do que pensávamos que conseguiríamos angariar. Para nós, clube, o que interessa mais é conseguirmos dar corpo à nossa vertente social. Isso é o mais importante neste clube: responsabilidade social, muito mais do que ganhar jogos ou correr mais que os outros”, completa Joaquim Moura.

Recorde-se que o concelho de Oliveira do Hospital foi assolado por vários incêndios nos dias 15 e 16 de Outubro, que além de oito mortos e vários feridos graves deixaram um cenário de devastação, com maquinaria industrial e explorações agrícolas e pecuárias reduzidas a cinzas.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close