CulturaNacional

Morreu José Mário Branco

O cantautor português, um dos nomes maiores da música portuguesa, faleceu na madrugada desta terça-feira, 19 de Novembro, aos 77 anos.

Exilado em França da ditadura do Estado Novo e regressado a Portugal em 1974, já depois de ter gravado o seu primeiro disco, em 1967, José Mário Branco ficará para sempre ligado à Revolução, pelo seu papel no mundo das artes, em particular na música, no teatro e no cinema.

Nascido no Porto em 1942, José Mário Branco deixou a sua marca nos trabalhos de muitos outros artistas com quem trabalhou ou cujos trabalhos produziu, como Zeca Afonso, Carlos do Carmo, Camané, Sérgio Godinho, Fausto, Janita Salomé, Ana Moura, Amélia Muge, Gaiteiros de Lisboa, entre outros. Será também recordado como fundador do Grupo de Acção Cultural (GAC), como tendo feito parte da companhia de teatro A Comuna, para o qual compôs e cantou, e como tendo sido militante do Partido Comunista Português.

José Mário Monteiro Guedes Branco, intérprete e compositor, voz de “Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”, do primeiro de sete álbuns de originais, editado em 1971, faleceu vítima de um acidente vascular cerebral.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close