Início » Desporto, Dossier, Local » Corrida das Nações solidária e muito participada

Decorreu no passado sábado, dia 16 de Setembro, a segunda edição da Corrida das Nações, no Parque das Nações, um evento com cariz solidário.

Depois da Unicef no ano passado, foi a “Navegar”, uma IPSS ligada à Paróquia do Parque das Nações, a receber este ano o donativo relativo às inscrições da corrida (1€ por cada inscrição reverteu para a IPSS). O momento simbólico aconteceu ainda antes do tiro de partida, junto ao Pavilhão de Portugal, no chamado Rossio dos Olivais. O montante entregue cifrou-se nos 1500 euros.

Além desta cerimónia, também teve lugar a apresentação do livro “Corre, Corre Coração”, da autora Dulce Várzea, atleta de maratonas e residente na freguesia do Parque das Nações.

Depois destes momentos iniciais, estava tudo a postos para a partida: a corrida de 10 km e a caminhada de 5 km.

De destacar a participação de um elevado número de clubes e colectividades da freguesia e das freguesias vizinhas, bem como de equipas enviadas pelas embaixadas de África do Sul, Finlândia, Cabo Verde, Espanha, Colômbia, Brasil, França, Austrália e Áustria.

A Corrida das Nações é um projecto iniciado em 2016 que pretende celebrar “uma mensagem de união, interdependência e partilha emocional entre povos e culturas”, de acordo com a organização da prova, garantida pela Junta de Freguesia do Parque das Nações.

A Navegar – Associação Humanitária para a Cooperação e Desenvolvimento, desenvolve programas em Portugal e em países lusófonos em vias de desenvolvimento.

Sem comentários... Seja o primeiro a comentar!