Dossier

Saldos com balanço negativo

A época de saldos de Inverno está a chegar ao fim e o balanço é negativo, com perdas a rondar os 30 e os 40 por cento. Notou-se ainda o desaparecimento do consumo por impulso.

Carla Salsinha, presidente da União de Associações do Comércio e Serviços (UACS) revela que a quebra no volume de vendas é transversal nos vários sectores, tendo um maior impacto na moda e nos electrodomésticos.
Esta época de saldos ficou também marcada pelo desaparecimento do consumidor por impulso, as pessoas começaram a fazer compras de forma mais ponderada e seleccionada, o que pode significar que os “consumidores estão com medo do que aí vem aí.”
Não deixa de salientar que as promoções ao longo de todo o ano contribuem para os resultados, uma vez que “esgotam a capacidade ou interesse das pessoas pelos saldos ou pelas próprias campanhas”.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Close
Close