Dossier

Parlamento adia proposta de reforma administrativa

A proposta de redução do número de freguesias de Lisboa, do PS/PSD e do CDS, foi adiada por dois meses visto que não houve consenso entre os partidos parlamentares, que alegam que a parte interessada não foi ouvida.

A reforma administrativa de Lisboa está a dividir a maioria PSD/CDS-PP e os partidos mais à esquerda acusam o Governo de não ouvir os populares e de desfigurar o território nacional.
À saída António Costa, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, aproveitou para recordar que esta medida é “importante para que se tenha uma cidade de Lisboa mais bem organizada, freguesias com mais competências e com mais meios para poder estar mais próximo das pessoas e dos problemas.”

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close