DestaqueDossier

Edição de Novembro

Edição de Novembro

Já está disponível a edição de Novembro do Jornal EXPRESSO do Oriente.

Nesta edição do mês de Novembro temos, como é costume, muita coisa para lhe contar! Começamos por recordar as regras que entraram em vigor para quem tem animais de companhia e por manifestar o nosso orgulho nos campeões de ginástica acrobática…

Não nos demoramos porque temos de seguir para Marvila: é lá que inauguramos a Casa dos Arcos de Valdevez em Lisboa, em ambiente de festa, e também é lá que participamos no 3.º Festival de Teatro Amador ORIENTE-SE, de cuja qualidade somos fiéis testemunhas. Bravo!

Está tudo a postos para o Natal em São Vicente, com um Mercado de Natal, pista de gelo, carrosséis, férias desportivas para os mais novos… saiba mais na nossa página cinco.

Fazemos uma pausa nas preocupações mais triviais para dar atenção a um assunto importante: em pleno Dia da Prevenção do Cancro da Mama, inauguramos com as Amigas do Peito a nova casa de acolhimento, em Carnide. Parabéns!

E porque a barriga já dá horas, vamos até à Penha de França provar o bacalhau à Brás dos restaurantes da Freguesia, naquela que foi a primeira edição do concurso “Penha à Mesa”. Veja quem ganhou na página sete!

Nas páginas seguintes, temos uma grande reportagem sobre um conjunto de senhoras para quem a idade não é obstáculo a uma vida activa e cheia de exercício físico. Quem disse que os 80 anos não combinam com levantar pesos ou fazer passadeira?

Revigorados pelo exercício, seguimos até São Bento e acompanhamos os Vizinhos do Areeiro num conjunto de reuniões com deputados de vários partidos na Assembleia da República, em mais uma grande reportagem, na página 10.

Ainda a tempo, mostramos-lhe mais uma carreira de bairro da Carris, a exposição de caricaturas “Entrelinhas” e os planos para a expansão da FIL, no Parque das Nações, antes da tradicional volta pelas 24 freguesias de Lisboa e de provarmos o cocktail preferido do público, no bar Arena Lounge do Casino Lisboa.

Guardámos uma última reportagem para o fim, à atenção de todos mas em particular dos fumadores: “Beata é plástico”! Ou queremos continuar a ter 11 milhões de beatas a irem parar ao chão todos os dias? Saiba mais na página 15.

Tudo isto e muito mais para ler aqui.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close