Destaque

CTT tomam medidas para ajudar pensionistas

Os CTT anunciaram um conjunto de medidas para evitar a possibilidade de contágio no pagamento das pensões de Abril.

Os CTT estão a implementar várias medidas, no âmbito da pandemia de Covid-19, em benefício dos pensionistas.

Desde logo, antecipando a emissão e pagamento dos vales em dois dias úteis, além de prolongarem também o prazo de distribuição ao longo oito dias. O objectivo é, conforme explicam os Correios em comunicado, minimizar o risco que os pensionistas correm na afluência aos locais de pagamento e de contágio. Os vales começaram a ser emitidos esta quarta-feira, dia 1 de Abril, e serão distribuídos até 9 de Abril.

Adicionalmente, o serviço de pagamento de Vales ao Domicílio pelo carteiro vai abranger 100 mil dos 370 mil pensionistas, que assim não vão ter de se deslocar para receber a sua pensão.

Regressando aos vales, de 1 a 9 de Abril, os CTT terão 34 lojas com horários alargados, a funcionar das 9h às 13h30 e das 14h30 às 17h30, para fazer face à afluência. A lista de Lojas com horário alargado pode ser consultada no site dos CTT.

Os CTT lembram que os vales têm a validade de um mês, pelo que os pensionistas que não necessitem poderão não efectuar o levantamento nos primeiros dias. Além disso, os pensionistas em caso de necessidade, podem pedir através da linha CTT a substituição do respectivo vale, por um novo período de 30 dias, fazendo a troca do mesmo numa loja CTT.

Uma nota importante, realçada pelos CTT, é que os vales são um meio de pagamento endossável, ou seja, um familiar do titular pode fazer o levantamento, desde que seja portador do vale com a assinatura do pensionista no verso e, claro, fazendo-se acompanhar do documento de identificação do pensionista e da sua própria identificação.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close