CulturaDestaque

“Mário, um bailarino no Estado Novo”

O espectáculo “Mário”, que conta a história do bailarino Valentim de Barros de forma ficcionada, está de regresso ao Cinema São Jorge a partir de 7 de Janeiro.

Com encenação de Fernando Heitor e interpretação de Flávio Gil, “Mário, um bailarino no Estado Novo”, está de volta à sala 2 do Cinema São Jorge para oito exibições entre 7 e 28 de Janeiro, sempre à terça e à quarta-feira, pelas 19 horas.

O espectáculo, um monólogo de Fernando Heitor, narra em forma de ficção o percurso de Valentim de Barros, bailarino homossexual perseguido pela ditadura portuguesa e que foi submetido a violentos tratamentos no hospital psiquiátrico.

Na sinopse da peça, pode ler-se que ela trata “a história dum rapaz da Cruz de Pau que nos anos 20 do século passado sonha ser bailarino. Foge de casa dos pais em miúdo e chega a Lisboa, pouco tempo antes do 28 de Maio de 1926. Era, então, um menino que se sentia diferente, ostracizado pela família, mas bem consigo próprio. É obrigado a crescer rapidamente. As desilusões, as adversidades e a violência que enfrenta não o desviam um milímetro do seu intuito de fazer parte do mundo da Dança. Consegue-o. Depois de muita humilhação e sobretudo muito trabalho, torna-se bailarino, reconhecido em Portugal e sobretudo em alguns países, como a França, a Argentina e o Brasil, onde vive ao longo de vários anos.  A sua feminilidade e o desejo crescente de se assumir como mulher, de se travestir, trazem-lhe constantes problemas com as autoridades policiais. É isso que o faz fugir de terra em terra. Regressa a Portugal no Pós-Segunda Guerra Mundial e pouco tempo depois é preso por atentado à moral pública e aos bons costumes vigentes. É encarcerado num hospital psiquiátrico para “tratamento”, onde é obrigado a passar o resto da vida”.

Destaca a produção que a peça “Mário, um bailarino no Estado Novo” estreou na mesma sala do Cinema São Jorge em Agosto de 2019 com enorme sucesso, tendo esgotado as vinte sessões em que se apresentou.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close