Destaque

Mais acesso à habitação municipal

Terminou esta semana a segunda consulta ao mercado de imóveis para o programa Renda Segura, o programa no qual a CML arrenda casas a proprietários privados e as subarrenda depois a concorrentes ao Programa Renda Acessível com contratos nunca inferiores a cinco anos.

Nesta fase apuraram-se 107 candidaturas para arrendamento, 40 das quais eram antigos alojamentos locais, de diversas tipologias. Candidataram-se proprietários de diversas zonas da cidade mas as freguesias com mais oferta de imóveis foram Penha de França, Santa Maria Maior e Santo António. As habitações que serão colocadas ao dispor do Programa Renda Acessível vão do T0 ao T5.

As candidaturas para proprietários de imóveis ao Programa Renda Segura vão estar abertas durante todo o ano de 2021, a partir do dia 2 de Janeiro, com as mesmas condições financeiras e a continuação do mesmo regime fiscal, com isenção total de pagamento de IRS/IRC e IMI.

No próximo dia 21 de Dezembro, a CML vai abrir o 4º concurso para a Renda Acessível, já com 50 dos apartamentos arrendados pela CML a proprietários privados.

Os três primeiros concursos da Renda Acessível garantiram 225 casas a jovens e famílias da classe média, com rendas nunca superiores a 30% do rendimento líquido dos candidatos.

Conheça todos os pormenores AQUI

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close