Sociedade

Aprender sobre alimentação saudável com o chef Chakall

Ao abrigo de uma iniciativa integrada nas Olisipíadas, os Jogos da Cidade, a Câmara Municipal de Lisboa convida o chef Chakall aos mercados da cidade para ensinar truques de alimentação saudável às crianças e aos seus pais.

O primeiro workshop aconteceu no Mercado da Ajuda e o segundo no de Campo de Ourique, sempre a ensinar segredos para cozinhar os alimentos que nos podem tornar campeões. Este é o mote da campanha que pretende atrair os participantes das Olisipíadas, mas não exclusivamente.

O EXPRESSO do Oriente foi até ao Mercado da Encarnação Norte, nos Olivais, para a terceira etapa da iniciativa que ainda vai marcar presença no Lumiar (4 de Maio) e em Alvalade (11 de Maio), antes da grande Final da competição, marcada para 1 e 2 de Junho.

Para vários dos participantes, tudo começou bem mais cedo que estava no horário, já que houve um passeio de bicicleta antes para… abrir o apetite!

Ao chef Chakall e ao Kiko, a mascote das Olisipíadas, juntou-se Tâmara Castelo, a especialista em alimentação saudável que também é esposa do chef. Juntos começaram por cozinhar uma sopa bem nutritiva, com vários vegetais como os espinafres e a cenoura, grão-de-bico, iogurte (adicionado só no fim, para não coalhar) e umas gotas de sumo de limão, para dar um sabor especial.

Enquanto a sopa ia cozendo, o chef preparou dois deliciosos sumos de fruta na misturadora, com toques especiais como o mel e o gengibre, sendo que as crianças e as suas famílias também aproveitaram para fazer uma espetada de fruta. Nos entretantos, foram dadas dicas como: remover os caules maiores dos espinafres, aproveitar ou não as cascas das maçãs ou cenouras, abrir uma banana pelo lado certo, a influência que a banana pode ter no trânsito intestinal, soltando ou prendendo consoante esteja mais ou menos madura…

Cozinhar em família

De avental vestido, o Guilherme Pereira Silva, 15 anos, estava logo na linha da frente a ouvir com atenção o chef Chakall, acompanhado da mãe. Ao nosso microfone, elegeu a banana, a laranja e o morango como as suas frutas preferidas e explicou que “a alimentação saudável é importante para termos uma vida mais saudável e vivermos durante mais tempo”. Para ele, fruta é sinónimo de saúde e a comida é “um fascínio”, algo que a mãe parece confirmar: “O Guilherme gosta muito da área da culinária, faz muitas vezes o jantar e tem muito jeito”. Cristina Borges está contente pelo bocadinho passado ao lado do filho ali no Mercado: “Foi bom fazer esta actividade com ele, juntámos o útil ao agradável”.

 

Também falámos com a Eva Braga, 9 anos, que foi uma das crianças mais entusiasmadas na sessão. “Adoro todas as frutas, tirando uma que sou alérgica [viemos a saber que é a toranja] e as cerejas que não gosto muito”. Já quando perguntamos o mesmo em relação à sopa, o entusiasmo diminui um pouco, mas ainda assim não torce completamente o nariz… Eva explica-nos que uma vez viu uma banana que não tinha curva, era toda direita, e que a alimentação saudável é muito importante para quem faz desporto, como atletismo ou futebol. Inês Gouveia, a mãe, confessa que por vezes pode ser difícil introduzir vegetais, sopa ou até fruta na alimentação das crianças, pelo que é importante não desistir e encontrar formas diferentes e atractivas de os incluir nos pratos lá em casa.

Quanto ao chef, esse não tem dúvidas: “todos os truques são bem-vindos para tornar as nossas refeições mais saudáveis. Eu tenho muitos filhos e sei como pode ser complicado, mas se for bem feito eles adoram”. Antes de subir o volume da música e se despedir de todos, deixou uma última advertência: um manifesto anti-fast food, pela nossa saúde!

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close