Local

António Costa defende maior policiamento de rua

 

PIPP - 04O Presidente da Câmara de Lisboa defendeu, este Terça-feira,  que a reorganização do dispositivo policial na capital, proposta pelo Ministério da Administração Interna (MAI), é positiva e irá  promover um maior policiamento de rua.

“Acho que o policiamento de proximidade se faz com policiamento de rua e não com a multiplicação de serviços que consomem recursos humanos”, disse durante a reunião da Assembleia Municipal.

O autarca lisboeta referiu que a PSP tem tido um comportamento positivo no sentido de colaborar na execução deste plano e assim encontrar “a melhor resposta possível para esta situação .

Irão realizar-se, agora, reuniões com todas as Juntas de Freguesia a fim de alterar o dispositivo territorial.

Segundo o projecto de reorganização do dispositivo policial em Lisboa entregue pela polícia à tutela, a PSP pretende fechar 11 esquadras na capital: Santa Marta, Boavista, Mouraria, Rato, Zona J de Chelas, Campolide, Quinta da Cabrinha, Arroios, Santa Apolónia e bairros Padre Cruz e Horta Nova, em Carnide.

A PSP pretende também abrir dois serviços de atendimento partilhado e de policiamento de proximidade.

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja também

Close
Close