Início » Cultura, Destaque, Dossier, Local, Nacional » Anunciado o programa para o Ano Novo Chinês

Centradas no Martim Moniz, as comemorações do Ano Novo Chinês vão acontecer em Lisboa pelo quinto ano consecutivo, com dragões, artes marciais, danças orientais e fogo-de-artifício.

O programa cultural foi apresentado esta quinta-feira, dia 1 de Fevereiro, nos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Lisboa, contando com a presença de Shu Jianping, conselheiro cultural da embaixada da República Popular da China, e de Choi Man Hin, presidente da ACILC – Associação dos Comerciantes e Industriais Luso Chinesa.

O presidente da ACILC explicava na sessão que as festividades têm o objectivo de “construir uma grande ponte entre a China e Portugal e chamar o interesse do povo português pelo nosso país”.

Em 2018, o ano do cão tem início a 16 de Fevereiro, pondo fim ao ano do galo, mas as festividades começam antes: o Teatro São Carlos acolhe um espectáculo dos Monges do Templo Shaolin logo no dia 8. O espectáculo será recheado de artes marciais e várias manifestações artísticas, nomeadamente dança.

Entre os dias 10 e 11 de Fevereiro haverá várias actividades no Martim Moniz, a começar por um desfile na Avenida Almirante Reis, com os tradicionais dragões de papel e acrobacias na rua, e a terminar numa grande feira feiras tradicional de artesanato e produtos chineses, na Praça do Martim Moniz. Na tarde desse fim-de-semana, haverá espectáculos ao ar livre na praça.

O Ano Novo Chinês é comemorado em 130 países e cerca de 400 cidades em todo o mundo. A iniciativa conta com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.

Sem comentários... Seja o primeiro a comentar!