Sociedade

A República vai à Escola nos Olivais

resized_República - autocarro Olivais (1)Um autocarro multimédia da Câmara de Lisboa percorreu todas as escolas dos Olivais, ajudando os alunos do ensino básico ao secundário a compreender o que é, afinal de contas, a República.

A temática da Implantação da República pode ser de difícil compreensão, não só para os alunos mais novos, mas também para os que estão a atingir o fim do ciclo do ensino obrigatório.

Com o objectivo de ajudar a dissipar algumas dúvidas, a revelar a importância do que representa a Implantação da República, ou apenas para contar uma breve história do que aconteceu a 5 de Outubro de 1910, um autocarro multimédia da CML esteve presente em todas as escolas dos Olivais.

A iniciativa integrou-se nas comemorações do aniversário da Implantação da República promovidas pela Junta de Freguesia dos Olivais, e a presidente Rute Lima não deixou de estar presente numa das sessões explicativas, acompanhada por membros do seu executivo.

Estas sessões decorreram entre os dias 28 de Setembro e 5 de Outubro e contaram com a presença de três actores vestigos a rigor, encenando uma pequena representação teatral: nada mais nada menos que os três principais protagonistas do 5 de Outubro de 1910.

E esses protagonistas são: António Machado dos Santos, militar e político republicano, “herói da Rotunda” que exerceu um importante papel de coordenação operacional do movimento revolucionário; Henrique Paiva Couceiro, militar fiel à monarquia, que chegou a instaurar a chamada “Monarquia do Norte” em 1919; e uma figura feminina: Ilda Pulga, que dá corpo à República, por ser a mulher que serviu de inspiração para o escultor que concebeu o busto da República, João da Silva (ou João da Nova). Sobre esta alentejana de Arraiolos sabe-se, de resto, muito pouco.

Viva a República!

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close