Destaque

Lisboa instala sistema de alerta de tsunami

O sistema de Sistema de Aviso e Alerta de Tsunami no Estuário do Tejo foi apresentado no dia 26 de Novembro, no Museu de Arte Popular, em Belém, pelo Serviço Municipal de Protecção Civil.

Por ser uma cidade ribeirinha, Lisboa apresenta alguma fragilidade em caso de existência de um tsunami, especialmente entre Belém e Santa Apolónia.

Perante a evidência de perigo em caso de uma ocorrência desta natureza, a Câmara Municipal de Lisboa mandou instalar um sistema de alerta à população que consiste em dois conjuntos compostos por uma sirene e um painel informativo, um deles instalado na Praça do Império, em Belém, e outro na Ribeira das Naus, em plena baixa pombalina.

A apresentação foi seguida de um simulacro que incluiu o accionamento do sinal sonoro, seguido do percurso de evacuação guiado pela sinalética correspondente e que levou os figurantes ao ponto de encontro, testando assim a forma de actuar em caso de catástrofe.

Presente na apresentação deste sistema, o vereador da Protecção Civil, Ângelo Pereira, afirmou que “o fenómeno das alterações climáticas impõe-nos hoje uma urgência acrescida em preparar Lisboa para maiores ocorrências ou catástrofes, como os tsunamis” e acrescenta que a complementar este sistema serão realizadas acções de sensibilização e informação aos cidadãos, assim como campanhas de esclarecimento em escolas.

O Sistema de Aviso e Alerta de Tsunami no Estuário do Tejo pretende tornar a cidade mais resiliente e mais preparada face a ocorrência deste tipo de desastres naturais.

FOTOS CML

 

Ver mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close